Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘São Paulo’

A inflação oficial do País começou o ano registrando uma desaceleração em relação ao resultado de dezembro. Em janeiro, o Índice de Preço ao Mercado Amplo (IPCA) avançou 0,55%, ficando 0,37 ponto percentual abaixo dos 0,92% registrados em dezembro de 2013. Esse foi o menor IPCA para um mês de janeiro desde 2009, quando o indicador ficou em 0,48%. Em janeiro de 2013, o IPCA havia sido de 0,86%.

Os dados foram divulgados pela Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira, 7. Com o resultado, a inflação acumulada em 12 meses também recuou, para 5,59%. Em dezembro, o IPCA acumulado havia subido 5,91%.

O resultado ficou abaixo do intervalo das estimativas dos analistas ouvidos pela Agência Estado, que iam de uma taxa de 0,57% a 0,74%, com mediana de 0,60%.

O IPCA deste mês trouxe uma novidade: passou a incorporar duas novas regiões. Conforme anunciado em agosto de 2013, a partir deste ano Vitória, no Espírito Santo, e Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, passaram a fazer parte da pesquisa. Com a entrada das duas novas regiões, São Paulo teve ligeira perda de participação no cálculo do IPCA. A participação de São Paulo passou de 31,68% em dezembro para 30,67%.

Fonte: Estadão

http://economia.estadao.com.br/noticias/economia-brasil,inflacao-oficial-desacelera-para-0-55-em-janeiro,177345,0.htm

Read Full Post »

 

As Agências de Desenvolvimento visam fomentar o desenvolvimento local.

Essa é uma estratégia inovadora para melhorar a qualidade dos serviços prestados aos microempreendedores, cooperativados, trabalhadores e demais empreendedores.

Mas o que é a Agência realmente?

A Agência será uma empresa de direito privado de fins não econômicos, de interesse coletivo e de utilidade pública.

O foco desse projeto será promover o crescimento econômico e a geração de empregos no Município de São Paulo por meio do fortalecimento de micro, pequenas, médias empresas e cooperativas.

Segundo o Secretario Municipal do Desenvolvimento Trabalho e Empreendedorismo, Eliseu Gabriel, “mais de 70% das vagas de emprego são geradas por empresas de pequeno porte” e o fortalecimento desse mercado é uma das principais preocupações da pasta comandada por ele.

A proposta é que cada Subprefeitura receba uma Agência em sua praça de atendimento.

De acordo com o Prefeito Fernando Haddad, esse ano já será possível implantar os primeiros escritórios da Agência São Paulo de Desenvolvimento.

Abaixo temos a foto do espaço a ser utilizado pela AGSP, na Subprefeitura de Santana Tucuruvi.

 

Santana Tucuruvi b

Nesse momento estamos em fase de implantação dos escritórios, essa etapa é compreendida por três fases:

1ª identificação do espaço na Subprefeitura, essa etapa já foi concluída nas 31 Subprefeituras da cidade de São Paulo.

2ª Montagem física das agências, estamos nessa fase atualmente, nesse momento estão sendo construídas 8 de 31 agências na cidade, a previsão de conclusão dessas obras será quinta-feira dia 15 de agosto.

3ª por último distribuição do mobiliário e inauguração das Agências, a boa noticia é que o mobiliário já esta comprado, apenas no aguardo para distribuição, conforme as obras forem sendo concluídas.

Read Full Post »

O papa Francisco já esta no Brasil, visitando as cidades do Rio de Janeiro e Aparecida em São Paulo, e isso custará R$ 118 milhões em gastos públicos, incluindo verba federal, estadual e municipal. A contabilidade foi feita pelo jornal “O Globo” e publicada em sua edição do sábado dia 11.

Só o governo federal desembolsará R$ 62 milhões, sendo que R$ 30 milhões serão só para as ações de segurança ao redor do sumo pontífice. O efetivo será de 10.700 homens, com a maioria dele sendo das Forças Armadas. A Igreja vai colaborar com a contratação de 2.000 seguranças particulares.

A Prefeitura do Rio e o governo estadual gastarão R$ 28 milhões cada um de seus orçamentos para a vinda papal.

Fico estarrecido, temos tantas dificuldades em nosso pais, e gastamos milhões para receber o Papa, se ele quer realmente vir ao Brasil, ele que se viabilize!

Hoje estamos passando uma vergonha internacional, centenas de peregrinos foram furtados, o metro no Rio de Janeiro parou de funcionar duas vezes essa semana, as filas de ônibus são intermináveis.

Não sou contra a vinda do Papa, oque sou contra é gastarmos uma fabula para passarmos vergonha na imprensa internacional, daqui a alguns meses teremos a Copa do Mundo.

A questão que fica, será que vamos repetir essa vergonha? O Governador do Rio, parece que esta alheio as manifestações na porta da casa dele, se o povo esta reclamando é porque existe uma insatisfação enorme em respeito a nossos governantes.

O povo não aguenta mais tanto descaso com o dinheiro público, falta de segurança, saúde, habitação, emprego é por isso que o povo esta nas ruas.

Não é uma visita de um líder religioso, um campeonato de futebol ou uma Olimpíada, parece que parte da sociedade esta acordando e muita coisa devera mudar nas próximas eleições.

Read Full Post »

São Paulo cresceu muito nos últimos anos, nós paulistanos somos vitimas de um crescimento desordenado e fora de controle!

Na sua fundação a pequena metrópole era uma pequena vila sem grande importância, 458 anos depois a cidade já é a quarta maior cidade do mundo, ficando atrás de Tóquio, Seul e Cidade do México.

 Atualmente somos o maior parque industrial e principal praça financeira  da América Latina.

 Tudo começou na região central, Luz, Mooca, Lapa, Brás, Barra Funda, Cambuci e Campos Elíseos, após a saturação dessas regiões a cidade expandiu cada vez mais rumo a periferia e anos depois nesse contexto surgiram bairros que antes eram chácaras, como é o caso de um dos bairros mais novos de São Paulo, exemplo Vila Olímpia a não muito tempo atrás aquela região era uma grande chácara.

 Hoje o local se transformou num dos bairros mais badalados de São Paulo e do Brasil, onde existem inúmeros edifícios, lojas de luxo e muito empreendimentos comerciais, um dos pólos mais importantes do pais, inclusive com o metro quadrado avaliado em mais de R$ 10.000,00.

Mas o caos e a desordem jamais poderão ser notados em bairros nobres ou próximos do centro, será preciso caminhar em direção a periferia. Como nessas regiões o custo do metro quadrado é bem mais barato, as famílias de baixa renda e os imigrantes vindouros de outros Estados mais pobres, deverão se instalar, constituindo verdadeiras cidades dormitórios dentro de uma grande cidade.

Hoje é praticamente impossível recomeçar a cidade do zero, o ideal seria replanejar algo em cima do já esta construído e a partir dessa fotografia buscar novos horizontes. Esse caminho é possível e viável, a grande questão é a falta de vontade política, pois cada Gestor que passa por São Paulo quer deixar sua marca ou trabalhar para se reeleger, destarte os planos são todos micro, não existe um plano macro, ninguém pensa a cidade em 20 ou 30 anos, sempre em 4 ou 8 anos máximo.

É preciso que os eleitores e os eleitores pensem em um governante que tem visão de futuro que pense no macro, mas nenhum Prefeito aceita fazer uma parceria com um governador ou presidente de outro partido. Por quê? Porque os Prefeitos geralmente são candidatos a governador (no caso de grandes cidades como São Paulo), e os governadores (São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais) almejam a presidência da Republica. Logo qualquer parceria com outro partido é sempre vista como um empecilho para a próxima eleição.

Infelizmente o povo ainda não sabe votar e nossos políticos sabem dessa deficiência do povo brasileiro desta forma continuaremos caminhando sempre rumo a uma cidade que corre atrás do próprio rabo.

Read Full Post »

Ontem tivemos o 2º turno das eleições municipais no Brasil, e principalmente em São Paulo, onde se travou a disputa PT x PSDB.

Nessa eleição tiramos diversas conclusões, a primeira é que o paulistano aprovou o governo federal, esquecendo os problemas que o PT enfrentou nos últimos anos.

Sem falar na incapacidade dos tucanos em se viabilizarem politicamente, por exemplo: foi no governo tucano que se iniciou diversos programas assistencialistas, tais como bolsa família e o financiamento estudantil para os universitários.

Mas infelizmente os tucanos não são reconhecidos por seus programas assistenciais e sim pela privatização, onde a oposição impôs na cabeça do eleitor que foi algo terrível para a nação, esse assunto é um tabu no tucanato, onde ninguém toca no assunto.

Mas não fica somente ai, o tucano é enrustido, não assumindo ser neoliberal existem muito tucanos, inclusive assessores de deputados que tem certeza que o partido é de esquerda. Um partido de esquerda não privatiza nada, e também não é distante da população como é o PSDB. É preciso sair do armário logo.

Outro ponto foi à incapacidade de renovação interna no partido, enquanto apareciam candidatos novos em outros partidos, o PSDB ainda insistia na velha formula onde foi lançado novamente o nome do José Serra (um ótimo quadro) ao governo paulista, enquanto isso choveu renovação em outras chapas, Chalita, Hussomano e Hadad são provas vivas disso.

Mas infelizmente nenhum parlamentar ou dirigente partidário se ocupa em fazer essas pequenas porem profundas reflexões, é mais fácil culpar o assessor pela derrota do que fazer auto critica e olhar a sua volta e se perguntar: porque perdemos?

Para ganhar o PSDB precisa entender que é preciso inovar e lançar novos projetos, novas ideias e um novo formato de campanha,  a população ao votar em Hadad ontem deu um basta no modelo neoliberal dos tucanos, buscando um governo mais próximo de si e de suas necessidades, alguém que tenha sua linguagem.

Isso sem falar-nos 20% que votaram em branco ou anularam o voto recorde de todas as eleições, esse numero nos diz que o eleitor esta cansado de votar e não sentir nenhum tipo de melhoria em sua cidade. Pelo contrário aparece toda a sorte de escândalos em todas as esferas de governo.

Estamos perdendo tempo num modelo coronelista onde as pessoas são obrigadas a votar e caso não votem sofrem as sanções do Estado, a democracia já diz tudo, e esse modelo eleitoral pode ser tudo menos democrata, enquanto estivermos nesse formato teremos eleitores votando em candidatos pra lá de estranhos numa forma de protesto.

Alias o voto de protesto foi abolido em São Paulo nesse ano, tivemos diversos candidatos com esse perfil e todos perderam, graças a Deus.

Agora vamos aguardar e desejar Boa Sorte ao novo governo paulistano!

Read Full Post »